segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Mulheres De Crumb E Cheiro De Chuva.

SESC.
 Pneumonia e stress. Fraco, tossindo e puto. Hora de tirar ferias, me recuperar e depois voltar com saude para fode-la novamente. Fui assistir apresentaçao de jazz na roça. Estado do Rio. Mulheres com bundas hiperbolicas e sorrisos junkie. Nao que elas fossem do tipo que acorda com pade na cara, mas sem duvida tinham a mente em branco como o mais extremo noia num dia apos consumir a colombia. Sao assim mesmo. Garotas de cidade pequena que curtem bandas antigas com o orgulho de um patriarca da igreja ortodoxa russa. Bebem mais cerveja que agua, ja treparam bebadas com meia cidade mas se voce perguntar sobre drogas responderao de nariz empinado: "nao preciso dessas coisas!!" Musica de bar, jazz de bar e conhecidos de anos com suas agora redondas barrigas e olhos amargos. Fiquei meio tonto e fui me sentar.
ESTRADA.
Enconto Marroquino e Souza. Pergunto se estao de carro. Estao. Partimos. Pra onde? Qualquer lugar que nao fomos ainda, sem pessoas por perto, sem chimpanzes com copos na mao tentando parecer humanos. Saimos pro fim do GPS, vimos coelhos, corujas, gambas, varias vacas dormindo e agua, muita agua no caminho. Paramos o carro no meio do nada e fomos olhar as estrelas. Quando voce mora em Sao Paulo ar puro vira luxo. Tres caras no meio duma estrada semi asfaltada chapados com porra nenhuma. E foi otimo.

2 comentários:

  1. E eu saberei que você esteve aqui por um texto, depois de ter vindo e feito todas?

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.